Mensagens

A mostrar mensagens de Junho 12, 2016

de costas para deus

Imagem
D. Manuel, o Clemente, e outras figuras gradas da Igreja apostólica e romana, vieram a terreiro para vociferar contra Brandão, Costa e, valha-nos o Senhor, os malvados comunas e demais esquerdalhada que inspiraram a decisão de acabar com a gosma de certas escolas privadas com dinheiros públicos.
Trata-se, damas e cavalheiros, da mais rematada demonstração de ingratidão.
Sabe-se agora que três colégios católicos, todos de Fátima, foram poupados à sanha deste governo de hereges, apoiado por anti-Cristos.
Trata-se de um milagre perpetrado, tal como os crimes, por um governo que não teve a coragem de levar a coerência até às últimas consequências, com receio, talvez, das línguas viperinas de cónegos, cardeais, generais ao serviço de Deus nesta guerra pela cristandade e os seus trinta dinheiros.
Cauteloso, temente a Deus talvez, Costa não quis que as sedes do PS, no Norte e no Centro, em Braga ou Rio Maior, tivessem o mesmo destino dos centros de trabalho do PCP e do MDP nos idos de 75: o…

chora, mariquinhas, chora

Imagem
Dos jornais:
Manuais escolares grátis podem deixar 2000 sem emprego, avisa a Porto Editora.
Depois dos colégios privados, faltavam cá estes! O empório Porto Editora construiu-se à conta dos manuais escolares e da bolsa de cada pai e cada mãe deste país. Foi, e ainda é, um negócio da China com contornos, se não obscuros, pelo menos altamente reprováveis. Manuais que mudam todos os anos, por vezes para alterar uma linha ou uma fotografia. Manuais especulativamente caros. Manuais que não podem ser partilhados entre irmãos porque, de um ano para o outro, ou o programa mudou, ou o manual mudou uma vírgula ou a escola mudou de ideias e prefere um manual diferente do canhenho do ano anterior para a mesmíssima matéria depois de receber um delegado de propaganda médica, pelo menos assim parece embora a saúde das nossas carteiras se ressinta após cada uma dessas visitas. 
E agora, depois de viverem décadas à tripa-forra, têm o arrojo, o desplante, a desfaçatez, a suprema lata, a falta de vergon…

a assunção da canalhice

Imagem
Assunção assume: o governo é comandado pela maralha bloquista. Assunção presume: Costa é social-fascista. Assunção enraivece e não esmorece, faz voz grossa, engrossa o coro das carpideiras, ai ricos tenham maneiras qu'isto assim não vai lá, não dá mecha pró sebo, escola pró mancebo, pilim pró director, função pró professor, tudo culpa da geringonça, dos amigos da onça, do Costa que se quer em posta, do soviete supremo que dirige a Nação, do Cunhal e do Brandão, querem mais Venezuelas, agora é que vão ser elas, é a bancarrota, a banca marota, o colapso da economia, o investimento em banho-Maria, a fuga de capitais, capitães e generais, os empresários é que não são otários, vão prá rua se for preciso até que os comunas tenham siso, cada um com a sua moca, um ou outro de bomba, eles vão estar à coca, a agitação vai ser de arromba, alguém há-de levar na tromba, virão doutores, comendadores, suinicultores, agricultores, engraxados e engraxadores, mandados e mandadores, a Alameda vai e…