os ricos que façam filhos!

Volta não volta, os nossos desgovernantes mostram-se muito preocupados com a baixa natalidade em Portugal, com a falta de escravos que, um belo dia, deixarão de existir para os sustentar, a eles e aos da sua laia.

Ora eu pergunto: com recém-licenciados sem trabalho ou, quanto muito e viva o velho!, a ganhar 500, 600 ou - se o patrão, num arrobo de generosidade, estiver para aí virado - a ucharia de 700 euros, como é que querem que esses jovens constituam família?

Já lá vai o tempo de amor e uma cabana, senhores!

Por isso vos deixo aqui um conselho, dado de boa vontade: deixem de nos fornicar a nós, forniquem entre vocês, façam filhos, procriem como Deus manda e os bichinhos gostam.

Não nos fodam é, a nós, nem o juízo nem as vidas.

Comentários

Anónimo disse…
FFF....dãossse! Idéia do C. Petição já! A poia do.

Mensagens populares deste blogue

defendamos a honra, porra!

oxalá me engane!