22/12/14

no lombo do lomba


Pedro Lomba, colunista, advogado, secretário de Estado e um dia senador da Nação, diz que Portugal deve seleccionar melhor os seus imigrantes, apostando na atracção de estrangeiros empreendedores. Por portas-travessas, para que a máscara não lhe caia de vez, Lomba tem uma atitude semelhante à dos elementos de extrema-direita que se têm manifestado por essa Europa fora contra a imigração. 

Mandemos Lomba alombar para a estiva, trabalhar nas obras, fazer as tarefas duras e mal pagas que os imigrantes pobres aceitam por uma questão de sobrevivência. Ou coloquemos, no lombo de Lomba, 5.000 exemplares do Mein Kampf. 

Tanto me faz, desde que Lomba alombe.

1 comentário:

Anónimo disse...

Mas há duvidas, que o fascismo está aí ??