ai que saudades da caras, da flash, da VIP, da nova gente, até da ana e da maria!

A gente pára nos escaparates a mirar as capas das revistas do coração cá do burgo, pindéricas, patronas da bisbilhotice verdadeira ou inventada, da desgraça alheia, de quem casou com quem, de quem anda com quem, de quem veste e despe quem. E, a seguir, dá com esta capa, em que o tema não é menos intrusivo ou menos sórdido - as mulheres vítimas de assédio sexual por parte de Bill Cosby - e não deixa de a admirar e de fazer comparações. E já nem falo dos textos, nas revistas portuguesas meros textículos e nesta outra escritas por gente que os tem no sítio, talento e ... talento.


Comentários

Mensagens populares deste blogue

defendamos a honra, porra!

oxalá me engane!

o grande azar de pedro passos coelho