olha que dois!

Um foi ao Pontal, cheio de ponta, dar-nos música e dizer coisas de monta: que em 2013 acaba a crise (enquanto, no resto da Europa, a crise se agrava e a derrocada é certa, mas Portugal é diferente, Portugal é rico, Portugal exporta, Portugal produz, Portugal tem um povo que se deixa ludibriar e roubar). Na outra ponta, nos Açores, Portas não tem ponta por onde se lhe pegue e o caso dos submarinos continua por esclarecer. Mas, como acontece nestes casos, ainda virá jurar a pés juntos que tudo isto é uma cabala urdida contra ele, tão amigo dos agricultores e reformados ou não fosse o seu apoderado, Mota Soares, apologista de menos Estado e mais caridadezinha. Tudo vai bem quando continua bem. 



Imagens: http://wehavekaosinthegarden.wordpress.com/

Comentários

Mensagens populares deste blogue

defendamos a honra, porra!

oxalá me engane!