é carnaval e levo a mal


O Coelho anda mascarado de democrata. O Portas de democrata-cristão. O Gaspar de perito financeiro. O Aníbal de presidente. O Relvas de doutor. O Amorim, o Ulrich, o Ricciardi, os Espíritos Santos, de salvadores da Pátria. Com tantos mascarados, tanta folia entre os senhores do dinheiro, para que é preciso Carnaval? Preparemo-nos antes para uma longa quaresma de jejuns, flagelações, privações. E deixemos à choldra o direito de gozar os seus dias dourados, de tortura e espoliação. De gozar à tripa-forra um pagode que cala e consente, cada vez mais triste, abandonado à sua triste sorte.

Imagem: http://wehavekaosinthegarden.blogspot.pt

Comentários

Mensagens populares deste blogue

defendamos a honra, porra!

oxalá me engane!

o grande azar de pedro passos coelho