chávez: alguns factos

Por Viriato Teles
http://jornal.viriatoteles.com


“Fez algu­mas coisas boas, mas destruiu a econo­mia”. É este o tom de alguns comen­tários que podem ler-se um pouco por toda a parte a propósito do falec­i­mento de Hugo Chávez. Como não gosto de falar de cór e guardo comigo algu­mas manias de velho repórter rel­a­ti­va­mente ao rigor infor­ma­tivo, sirvo-me da edição online do Expresso de hoje ape­nas para dar conta de alguns fac­tos con­cre­tos sobre o que foram os 15 anos de “chav­ismo”. Vejamos:

O PIB per capita aumen­tou de 5.095 para 13.405 euros.
A dívida pública era de 56,4%, agora é 29%.
As expor­tações de petróleo subi­ram de 14 para 60 mil mil­hões de euros.
A taxa de desem­prego caiu de 14,5 para 8,6 por cento.
A mor­tal­i­dade infan­til decresceu de 20 para 13 por mil nados vivos.
O índice de pobreza pas­sou de 23,4 para 8,5 por cento e a taxa de anal­fa­betismo desceu de 20 para 4 por cento.

Mesmo a ser ver­dade que a inflação tenha pas­sado de 23,6 para 31,6% e a crim­i­nal­i­dade tenha aumen­tado (segundo esta fonte, os homicí­dios pas­saram de 25 para 45 por 100 mil habi­tantes), só o mais obtuso e pre­con­ceitu­oso sec­tarismo pode negar que a vida dos venezue­lanos é, hoje, glob­al­mente bas­tante mel­hor do que era antes de Chávez. De outro modo teria sido difí­cil alcançar o cresci­mento pop­u­la­cional ver­i­fi­cado nestes 15anos (de 23.870.000 para 29.287.000 habi­tantes) a que os pro­gres­sos soci­ais que o novo sis­tema de saúde per­mi­tiu não são com certeza alheios.

Comentários

Mensagens populares deste blogue

defendamos a honra, porra!

oxalá me engane!

chora, mariquinhas, chora