pílula de cianeto

Não há mais aumentos de impostos, juraram-nos, prometeram-nos, acenaram-nos. Mas há. Para já, do IVA. A seguir, dos produtos nocivos para a saúde (o governo não gosta de concorrência, matar é exclusivo dele). A TSU sobe para os trabalhadores, mantém-se para as empresas.

Numa palavra: o governo, que em desavergonhada jogada eleitoralista veio dizer que os salários e pensões iam ser repostos, vai fazê-lo a prestações - a primeira seguramente só antes das eleições de 2015 - e, em troca, vai levar-nos o dinheiro de outras formas. Dá com uma mão, pouco, tira com a outra, e muito.

O governo tentou dourar a pílula. Não conseguiu. O cianeto ficou à vista.

A 15 de Setembro de 2012, os portugueses saíram em massa à rua em protesto contra a TSU.

E amanhã? Vão ficar em casa?

Comentários

Mensagens populares deste blogue

defendamos a honra, porra!

oxalá me engane!

o grande azar de pedro passos coelho