requiem grego


Faziam parte da ERT, a cadeia de rádio e televisão grega. A Orquestra Sinfónica existia desde 1938. O coro, desde 1977. O governo extinguiu ambos. Para poupar dinheiro, dizem. De que os bancos e mercados tanto precisam. Cá, como lá, como um pouco por toda a Europa do Sul, vão-se extinguindo o trabalho, a cultura, a saúde, a educação. Vão-se extinguindo vidas. Por cá, por lá, um pouco por toda a Europa do Sul, quem manda é a Alemanha. E nós, nós todos, somos os novos párias sem pátria, os novos judeus. 

No vídeo, a sua última actuação antes da morte. Da solução final.

Comentários

Mensagens populares deste blogue

defendamos a honra, porra!

oxalá me engane!

chora, mariquinhas, chora