a criada e o patrão

Onde é que já se viu, a criada sentada ao lado do patrão? Já não há respeito pelas diferentes classes sociais, a bandalheira é total. Eu sei. Eu sei que a criada é diligente, cumpre os desejos do patrão à risca, antecipa-os, calça-lhe as pantufas, põe-lhe pó de talco no cu com o desvelo de uma santa. Eu sei tudo isso mas - caramba! - a gratidão pode ser demonstrada de outra maneira, uma gorjeta, uma carta de recomendação, um chocho.

Ainda bem que não ajoelhou. Teria que rezar.


Comentários

Mensagens populares deste blogue

defendamos a honra, porra!

oxalá me engane!

o grande azar de pedro passos coelho