mandar umas bocas


Manuela Moura Guedes não presta um bom serviço à direita portuguesa. De limitada cultura política - e, já agora, democrática - a Manela limita-se, no programa Barca do Inferno, a mandar umas bocas, gaguejar uns lugares comuns, repetir as mentiras propaladas pelos gabinetes de agitação e propaganda dos partidos do governo e, irritantemente, além das tais bocas, fazer boquinhas quando Raquel Varela ou Isabel Moreira intervêm, interrompendo, mofando das suas opositoras com o desdém de quem tudo sabe, só ela e o seu deus, a razão cabe-lhe por inteiro, as suas palavras são pérolas preciosíssimas que lhe brotam da boca enriquecendo o panorama televisivo nacional. Não faz a coisa por menos.

É a nossa Sarah Palin, um Alberto João de saias, um Steven Taylor à portuguesa.

Comentários

Mensagens populares deste blogue

defendamos a honra, porra!

a assunção da canalhice

oxalá me engane!