a quem de direito

Torpes biltres pulhas salafrários bandidos bandalhos miseráveis facínoras trapaceiros assaltantes desprezíveis bisbórrias embusteiros fraudulentos reles escória ignóbeis ladrões canalhas intrujões malandros bigorrilhas mentirosos gatunos corja trastes tratantes malfeitores safardanas infames celerados burlões patifes aldrabões abjectos velhacos salteadores delinquentes escumalha vergonhosos bandoleiros impostores safados gentalha sem pátria, sem nome, sem coração, sem alma. Desculpem. Hoje deu-me para aqui.

Comentários

Mensagens populares deste blogue

defendamos a honra, porra!

oxalá me engane!