vejam lá se se entendem, ou como mais depressa se apanha um coelho do que um coxo

Ontem, nos telejornais, Sérgio Monteiro, secretário de Estado dos Transportes, afirmou que a queda das exportações se devia, na sua maior parte, à situação económica difícil sentida em toda a Europa. Hoje, Passos Coelho, o subalterno regente da nova possessão alemã, veio dizer que não, não senhor, a quebra nas exportações deve-se, largamente, à greve dos estivadores.

Está-se mesmo a ver no que é que isto vai dar, não está?...


Comentários

Mensagens populares deste blogue

defendamos a honra, porra!

oxalá me engane!

o grande azar de pedro passos coelho