párias genuínos


A Forbes acaba de publicar a lista dos grandes bilionários, a afronta de sempre a quem vive, em África, na Ásia, nas Américas e cada vez mais na Europa, em situações de pobreza extrema. Belmiro, Américo e Alexandre, os senhores da Sonae, Jerónimo Martins e Amorim, continuam na lista, claro, não há crise que os derrote nem austeridade que os abata. E há uma novidade este ano: Isabel dos Santos, a filha do presidente angolano, surge pela primeira vez neste "hit parade" de predadores. Mas, ah é verdade!, em Angola não se toca, Angola não se discute. Nisso, CDS, PSD, PS e PCP estão de acordo. Aquilo com que se compram melões, mansões e corporações faz por cá muita falta. Mesmo que seja dinheiro roubado ao povo. A economia não tem moral, nem pátria e, agora, nem leis nem regras. Os párias genuínos, defendidos por chernes e tubarões, somam e seguem. Para o ano, há mais. Com sorte, Portugal terá a honra de ver mais um bilionário na lista. Duarte Lima, talvez. Parafraseando uma querida amiga, desde que vi um mágico, no coliseu, a tirar pássaros do rabo, já nada me admira.

Comentários

Mensagens populares deste blogue

defendamos a honra, porra!

oxalá me engane!

o grande azar de pedro passos coelho