conto exemplar: o coelho laranjinha

http://www.123rf.com
Era uma vez uma vaca e um burro que encontraram, no meio de um verdejante bosque, um lindo coelhinho cor de laranja. Estava perdido, o pobre, sem saber o que fazer da vida, tonto e tremeliques. A vaca e o burro decidiram adoptá-lo e deram-lhe o nome de Laranjinha. Alimentaram-no com as melhores cenouras. Mandaram-no para a escola, embora sem grandes resultados. Vestiram-lhe fatinhos de capa de revista. O Laranjinha ia ser alguém, oh se ia!

Consta porém que, ao crescer, o Laranjinha se tornou muito mau, tão mau, mas tão mau que comeu as papas na cabeça da vaca e, ao burro, mandou-o para o talho cortado às postas para ser vendido como cavalo. Caridoso, quis dar de comer aos pobrezinhos.

Entre truques e intrigas, algumas mentiras também, que nisso a rês é ás, o Coelho Laranjinha conseguiu ser alguém na vida. Ficou a mandar na pocilga, no curral e, o seu habitat natural, na coelheira.

Moral da história: nunca adoptes um coelho. Mata-o e come-o.

Comentários

Mensagens populares deste blogue

defendamos a honra, porra!

oxalá me engane!

o grande azar de pedro passos coelho