anticonstitucionalissimamente


Passos é inconstitucional. Passos não tem constituição. Nem física. Nem moral. Chumbaram-lhe mais uma vez os intentos. Tornou-se presidente do conselho de um governo fora-da-lei. Mas, mesmo sem constituição para tal, flecte, flecte, insiste, insiste, persiste nas manigâncias, nos atropelos, nos pontapés à Constituição e aos portugueses. Até quando vamos, com a nossa cobardia, a nossa resignação, o nossa indiferença, permitir que Passos dê passos na direcção do fim? O fim do Estado Social. De um país onde valha a pena estar. Que valha a pena amar.

Imagem: http://henricartoon.blogs.sapo.pt/

Comentários

Mensagens populares deste blogue

defendamos a honra, porra!

oxalá me engane!

o grande azar de pedro passos coelho